Todas postagens por Redação

MODELO CAPA SITE
Uma das principais bandeiras do governo Michel Temer, o novo teto para gastos públicos, instituído pela Emenda Constitucional 95/2016, que já reduziu R$ 2,37 bilhões do orçamento da saúde em dois anos e com estimativa de perda de R$ 415 bilhões no setor em 20 anos, é alvo de pacote de sete ações de inconstitucionalidade no Supremo Tribunal Federal – STF, que dificilmente será julgado pelo plenário antes das próximas eleições de outubro. A relatora dessas ADIs, que não tiveram andamento significativo no primeiro semestre deste ano, é a ministraLeia Mais
vvvvvvv
Via CNTS Documento aprovado por unanimidade pelo Conselho Nacional de Saúde prevê a garantia do financiamento das ações da vigilância em saúde, de forma tripartite, com recursos e tecnologias necessários ao cumprimento do papel institucional das três esferas  Pela primeira vez, o Brasil terá um documento norteador do planejamento das ações de vigilância em saúde, com definições claras de responsabilidades, princípios, diretrizes e estratégias. O Conselho Nacional de Saúde – CNS aprovou, por unanimidade, a Política Nacional de Vigilância em Saúde – PNVS, ontem, 12.A criação da política é resultadoLeia Mais
assembleia criciuma
Uma paralisação relâmpago de 15 minutos hoje (12) pela manhã no Hospital Regional de Araranguá sinaliza nova possibilidade de greve. Os cerca de 300 trabalhadores cobram melhores condições de trabalho, mais profissionais, o repasse do reajuste salarial e do vale-alimentação e o pagamento dos feriados nas jornadas 12 x 36. Conforme o diretor do Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Saúde de Criciúma e região (Sindisaúde), Cleber Ricardo da Silva Cândido, a assembleia deliberou caso as reivindicações não sejam atendidas, a paralisação de todos os serviços dentro de 30 dias.Leia Mais
capa campanha
Via CNTS PL 4998/2016 estabelece que instituições de saúde públicas e privadas terão que oferecer condições adequadas de repouso, durante o horário de trabalho, aos enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem PL 4998/2016, que dispõe sobre condições dignas de repouso dos profissionais de enfermagem durante o horário de trabalho, recebeu parecer favorável do relator, deputado federal Evandro Roman (PSD-PR) na Comissão de Constituição e Justiça – CCJ, ontem, 10. O projeto de autoria do senador Valdir Raupp (PMDB-RO), de caráter conclusivo, deve ser votado no segundo semestre. O relatório doLeia Mais
capa educ
Via CNTS O Ministério da Educação – MEC habilitou mais de 690 mil vagas para graduação à distância em cursos da saúde, num ato de descrédito à denúncia feita pela CNTS em abril de 2014 acerca da má qualidade do ensino virtual e comprovada após fiscalização do Cofen. Ao todo são 244 turmas oferecidas por diversas universidades, em todo o país, onde os estudantes podem cursar biomedicina, medicina veterinária, enfermagem, farmácia, fonoaudiologia, fisioterapia, biologia, terapia ocupacional, educação física, nutrição ou serviço social sem sair de casa. A Confederação manifesta posicionamentoLeia Mais
botao_saude_do_trabalhador-01_1470346831
Fórum de Saúde e Segurança do Trabalhador no Estado de Santa Catarina protocola três Projetos de Lei que protegem o trabalhador contra o amianto e o mercúrio. São eles: PL 0180.9/2018 http://www.alesc.sc.gov.br/legislativo/tramitacao-de-materia/PL./0180.9/2018 Altera dispositivos da Lei nº 17.076, de 2017, que “Dispõe sobre a proibição do uso de produtos, materiais ou artefatos que contenham quaisquer tipos de amianto ou asbesto ou outros minerais que tenham fibras de amianto na sua composição”.   PL 0181.0/2018 http://www.alesc.sc.gov.br/legislativo/tramitacao-de-materia/PL./0181.0/2018 Institui a Semana Estadual de Proteção Contra o Amianto, no âmbito do Estado de SantaLeia Mais
especialistas sobre contribuicao sindical PNG
Via CNTS A sessão teve a participação de representantes dos procuradores e juízes do trabalho, sindicatos e sociedade civil Especialistas temem que o fim da contribuição sindical obrigatória reduza direitos trabalhistas. Eles debateram o assunto na terça-feira, 3, na Subcomissão do Estatuto do Trabalho, ligada à Comissão de Direitos Humanos – CDH. A audiência foi realizada uma semana após o Supremo Tribunal Federal – STF ter considerado constitucional o fim da contribuição sindical obrigatória. A cobrança virou opcional a partir da reforma trabalhista, que passou a valer em novembro. ALeia Mais
arte infoem baiano capa
Neste ano, o salário mínimo aumentou míseros R$ 17, bem abaixo do merecido e do esperado pelos trabalhadores brasileiros. Desta forma quem ganha salário mínimo precisou trabalhar, em média, 88 horas e 34 minutos e gastou 43,75% do salário mínimo líquido para comprar a cesta básica em maio. Saiba mais no vídeo: https://youtu.be/qfMK_8OjguE Share on: WhatsAppLeia Mais
Capa
Via CNTS Para os debatedores do seminário promovido pela Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público da Câmara dos Deputados, a reforma trabalhista não modernizou as relações de trabalho, pois aumentou a informalidade e o desemprego, estabeleceu formas precárias de contrato de trabalho, enfraqueceu sindicatos, criou insegurança jurídica, dificultou o acesso à Justiça do Trabalho e ameaçou a existência desse ramo do Judiciário, diminuindo os direitos sociais previstos na Constituição. Para o deputado Bohn Gass (PT-RS), um dos parlamentares que pediram realização do evento que ocorreu ontem, 3, nenhumaLeia Mais
capa Nota de repudio
Share on: WhatsAppLeia Mais