assembleia criciuma

Postado em 12 de julho de 2018 Por Em Criciúma, Destaque E 11 Views

Paralisação relâmpago ameaça greve no Regional de Araranguá

Uma paralisação relâmpago de 15 minutos hoje (12) pela manhã no Hospital Regional de Araranguá sinaliza nova possibilidade de greve. Os cerca de 300 trabalhadores cobram melhores condições de trabalho, mais profissionais, o repasse do reajuste salarial e do vale-alimentação e o pagamento dos feriados nas jornadas 12 x 36.

Conforme o diretor do Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Saúde de Criciúma e região (Sindisaúde), Cleber Ricardo da Silva Cândido, a assembleia deliberou caso as reivindicações não sejam atendidas, a paralisação de todos os serviços dentro de 30 dias.

O sindicalista alertou que infelizmente o Ideas – Instituto de Desenvolvimento, Ensino e Assistência à Saúde, gestor do hospital não conversa com os trabalhadores: “Por mais que tentamos, eles não aceitam protocolar os documentos e temos que enviar tudo por AR ou e-mail. Eles não sentam para conversar com o sindicato e tentar buscar uma negociação e soluções dos problemas”, critica Cleber.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *